Medicina Ayurvédica: conhecendo os doshas

Medicina Ayurvédica: conhecendo os doshas

Publicado por: Bruna Rei Freitas Publicado: 26/11/2018 Visitas: 55 Comentários: 0

De acordo com o Ayurveda, os cinco elementos, Éter, Ar, Fogo, Água e Terra, manifestam-se no corpo humano como arquétipos chamados doshas, cada qual com suas potencialidades e desequilíbrios.

A partir dos elementos éter e ar há a formação de Vata, nesta sequência temos a junção do fogo e água gerando Pitta e por último os elementos terra e água se manifestando através de Kapha.

Como cada indivíduo é constituído pela combinação dos cinco elementos, cada um é considerado como um ser único. A diferença entre cada um se manifesta em forças da natureza e tipos energéticos, dos quais predominam Vata (ar), Pitta (fogo) e Kapha (água) e suas combinações.

Os doshas¹ são considerados substâncias materiais e funcionais sempre presentes em cada célula do corpo, embora os três doshas estejam intimamente  relacionados com o corpo, eles são encontrados predominantemente em determinados locais como:

  • Kapha: localiza-se na parte superior, acima da região correspondente ao coração, incluindo o tórax, o pescoço e a cabeça;
  • Pitta: situa-se entre a região do coração e a linha do umbigo, incluindo o abdómen e os órgãos digestivos;
  • Vata: encontra-se na parte inferior, na região situada abaixo do umbigo, incluindo intestino grosso, região pélvica, bexiga, membros inferiores e os ossos.

 

CARACTERÍSTICAS BÁSICAS DOS DOSHAS

Vata

Este dosha controla todo o movimento biológico, como a inspiração e a expiração, a circulação sanguínea, os impulsos nervosos, os batimentos cardíacos, a comida que entra e que sai, o fluxo dos pensamentos.

Geralmente sua constituição física se manifestam através de pessoas altas ou baixas, porém sempre magras, de estrutura corporal pequena, possuindo ombros e quadris estreitos.

Podem comer muito e não engordar, no entanto seu peso pode flutuar durante a vida. Possuem sono leve, são hiperativas, mas se cansam com facilidade, podendo chegar a exaustão. Por isso há a necessidade de muito repouso e se beneficiam com rotinas e hábitos regulares, que diminuem seu gasto energético².

Psicologicamente são rápidas na fala, no pensamento e no andar. Gostam de movimento, novidades e desafios. Mudam de ideia e de humor com facilidade.

Seu desequilíbrio se manifesta através do cansaço, ficam angustiadas e ansiosas, sofrem de insônia, prisão de ventre, gases e flatulência. Ficam hipersensíveis e inseguras na hora de tomar decisões.

Pitta

O dosha do fogo representa o metabolismo, sendo responsável por todas as transformações químicas que ocorrem no organismo. Pitta trabalha a digestão, traz luminosidade para o olhar, regula a temperatura e é fonte de energia.

São pessoas de estrutura corporal mediana. A pele é clara ou avermelhada, muitas vezes com sardas e com tendência a manchas espalhadas pelo corpo.

Pode-se classificá-lo emocionalmente como o dosha de maior inteligência e também que mais manifesta o sentimento da raiva. O raciocínio é rápido, enquanto a mente tem poder de foco e organização. São pessoas enérgicas, competitivas e corajosas. Têm iniciativa e costumam ter perfil de liderança.

Em desequilíbrio³ tornam-se impacientes, frustrados, irritadiços, raivosos, podendo apresentar um comportamento agressivo e intimidante. Ao extremo podem se demonstrar manipuladores e competitivos ao extremo, levando ao sarcasmo e a busca pela perfeição.

Kapha

Kapha é o dosha responsável por nossa estrutura e pela formação do sistema linfático. É ele que dá suporte e nutre o sistema nervoso, lubrifica o trato digestivo, as articulações e o trato respiratório, regulando a água e a gordura corporal.

As pessoas de kapha têm estrutura corporal sólida, ganham peso com facilidade, têm tendência à obesidade e muita dificuldade para emagrecer. A pele é clara e com brilho apresentando certa palidez.

Psicologicamente4 são lentas em todos os aspectos, desde os movimentos até o raciocínio. Aprendem devagar, mas têm excelente memória. Amáveis e cheios de compaixão, geralmente são pessoas confiáveis.

Pode apresentar apego a pessoas e a bens materiais, bem como ao passado, fazendo parte da sua natureza. Pensam muito antes de tomar uma decisão, pois possuem dúvidas constantes.

Seu desequilíbrio se manifesta através de fadiga, depressão, preguiça e dificuldade para expressar os sentimentos. Podem desenvolver tendência a dormir demais e apresentar resistência a qualquer mudança. Sofrem com obesidade, e quando manifestam  apego podem se tornar ciumentos e saudosistas.

Em suma, a partir do momento em que se conhece e aprende a identificar os três doshas, inicia-se o primeiro passo para curar a si próprio e aos outros.

 

REFERÊNCIAS

¹ CARNEIRO, Danilo M. Ayurveda – Saúde e Longevidade na Tradição Milenar da Índia. Editora Pensamento, 2009.

² LAD, Dr. Vasant. Ayurveda – A Ciência da Autocura: Um guia Prático. Editora Ground, 2007.

³ MARINO, Maria I. & DAMBRY, Walkyria A. G. Ayurveda – O Caminho da Saúde. Editora Gaia, 2009.

4FRAWLEY, David. Uma Visão Ayurvédica da Mente – A cura da consciência. Editora Pensamento, 2008.

 

Fonte: https://www.eusemfronteiras.com.br/medicina-ayurvedica-conhecendo-os-doshas/

Tags: Ayurveda, doshas

Posts relacionados

Comentários

Escreva o comentário

Veja todas Últimos Posts